7 de ago de 2010

Fonema

Uma vez que sabemos produzir sons usando nosso improvisado aparelho fonador (leia as palavras do Prof. Bechara na matéria 'A produção dos sons da fala'), vamos saber agora como definir cada tipo de som, dá-lo um nome e colocá-lo em uma categoria, certo?

Observemos os seguintes casos:

pato: 1 palavra, 2 sílabas, 4 letras e 4 fonemas = /p/ /a/ /t/ /o/
exceção: 1 palavra, 3 sílabas, 7 letras e 6 fonemas = /e/ /s/ /e/ /s/ /ã/ /w/
     
Os fonemas são as menores unidades sonoras de uma língua, ou seja, os sons produzidos de maneira organizada para que consigamos formar palavras e com as palavras formar frases e por aí vamos. Veja bem, fonemas são os sons, as letras se limitam apenas à representação gráfica (grafemas).
Para tentar ilustrar, vamos ver até onde conseguimos dividir o primeiro enunciado do parágrafo anterior:
 
1ª divisão: PALAVRAS
      
/ Os / fonemas / são / as / menores / unidades / sonoras / de / uma / língua /
       
2ª divisão: SÍLABAS
          
/ Os / fo / ne / mas / são / as / me / no / res / u / ni / da / des / so / no / ras / de / u / ma / lín /gua/
          
3ª divisão: LETRAS
      
/O/s/ /f/o/n/e/m/a/s/ /s/ã/o/ /a/s/ /m/e/n/o/r/e/s/ /u/n/i/d/a/d/e/s/ /s/o/n/o/r/a/s/ /d/e/ /u/m/a/ /l/í/n/g/u/a/
     
4ª e útlima divisão: eles... os FONEMAS, as moléculas da língua.
              
/O/s/ /f/o/n/e/m/a/s/ /s/ã/o/ /a/s/ /m/e/n/o/r/e/s/  /u/n/i/d/a/d/e/s/ /s/o/n/o/r/a/s/ /d/e/ /u/m/a/ /l/in/g/u/a/
      
A divisão que acabamos de ver foi feita em letras (grafemas) e serviu apenas para mostrar onde há e onde estão os fonemas do enunciado.
Se contarmos encontraremos 47 letras 46 fonemas; pode conferir.
Antes de verificarmos como fica a representação fonética do nosso exemplo, vamos esclarecer o seguinte: fonema é uma coisa, letra é outra coisa. Tanto que você pôde verificar que a palavra língua apareceu com o "i" junto com o "n", pois os dois formam apenas um fonema representado pelo símbolo / ĩ /; fonema este que necessita de dois grafemas (letras) para ser representado na escrita / in /.

Fonema:
fono = som (representação sonora)

Grafema (letra):
grapho = grafia (representação pela escrita)

Espero ter deixado claro que o fonema é o som e a letra é a representação gráfica. Ninguém fala letras e ninguém escreve fonemas (a não ser na representação fonética, daí a necessidade da criação do alfabeto fonético internacional para a fonética descritiva sempre feita entre barras "/").

Para reforçar essa informação podemos perceber como uma pessoa pode perfeitamente falar um idioma e ao mesmo tempo não saber escrevê-lo e nem lê-lo. Para ler e para escrever precisamos das letras (grafemas); para falar e escutar uma fala, nos servimos do inventário fonológico da língua, o lugar na nossa mente onde estão armazenados todos os fonemas aprendidos durante a formação linguística.
Vejamos agora a representação fonética correta utilizando os símbolos do Alfabeto Fonético Internacional (International Phonetic Alphabet – IPA); símbolos esses que se diferenciam das letras em alguns momentos. Isso é normal quando se representa os sons da fala. Não estranhe.

/o/s/ /f/õ/n/ẽ/m/a/s/ /s/ã/w/ /a/s/ /m/ẽ/n/ɔ/r/e/s/ /u/n/i/d/a/d/e/s/ /s/õ/n/ɔ/r/a/s/ /d/e/ /ũ/m/a/ /l/ĩ/g/w/a/

Uma transcrição mais correta ficaria mais ou menos assim:

/os/fõ'nẽmas/sãw/as/mẽ'nɔres/uni'dades/sõ'nɔras/de/ũma/'lĩgwa/

Mais uma vez: FONEMAS NÃO SÃO LETRAS!

- pássaro = p-á-s-s-a-r-o                        
                  1  2  3  4  5  6  7  (7 letras)                   

/ p / a / s / a / r / o /
  1     2     3     4    5    6       (6 fonemas)

A palavra "pássaro" tem 7 letras porque precisamos de 7 letras para escrevê-la ou para lê-la corretamente. E tem 6 fonemas porque para falá-la precisamos produzir 6 fonemas, apenas 6 sons, nada mais do que isso. Essa diferença acontece por causa do fato de que o som das letras "ss" é produzido por um único movimento dos componentes do nosso aparelho fonador: a parte frontal da língua levemente levantada próxima aos dentes superiores formando um fonema chamado pelos estudiosos  de consoante constritiva fricativa alveolar surda representada pelo símbolo /s/.

Ufa! 

Classificação dos fonemas
                    
  • Semivogais /y/ /w/
  • Vogais
    • Quanto à articulação
      • anteriores ou palatais
      • centrais ou médias
      • posteriores ou velares
    • Quanto à abertura
      • abertas
      • semiabertas
      • semifechadas
      • fechadas
    • Quanto à função da cavidade bucal ou nasal
      • orais /a/ /e/ /ε/ /i/ /o/ /ɔ/ /u/
      • nasais /ã/ /ẽ/ /ĩ/ /õ/ /ũ/
    • Intensidade
      • tônicas
      • átonas
  • Consoantes
    • Oclusivas
      • bilabiais
        • surda /p/
        • sonora /b/
      • linguodentais
        • surda /t/
        • sonora /d/
      • velares
        • surda /k/
        • sonora /g/
    • Constritivas
      • fricativas
        • labiodentais
          • surda /f/
          • sonora /v/
        • alveolares
          • surda /s/
          • sonora /z/
        • palatais
          • surda /x/
          • sonora /j/
      • vibrantes (alveolares)
        • simples /r/
        • múltipla /rr/
      • laterais
        • alveolar /l/
        • palatal /lh/
      • nasais
        • bilabial /m/
        • linguodental /n/
        • palatal /nh/
Se chegou até aqui, é uma pessoa forte...
Obrigado e até a próxima matéria!

fontes:
BECHARA, Evanildo. Moderna gramática portuguesa. 38ª ed.
CUNHA, Celso; CINTRA, Lyndley. Nova gramática do português comtemporêneo. 5ª ed. 

3 comentários:

  1. Não entendi muito bem mais me ajudou a compreender melhor o que é um fonema

    ResponderExcluir
  2. Quantos fonemas existe na palavra sereia?
    Devo fazer a separação de sílabas: se-rey-ya? Ou não?
    6 ou 7 fonemas?

    ResponderExcluir
  3. Oi, Camila!
    A palavra sereia tem:
    3 sílabas / 6 letras / 6 fonemas (/s/ /e/ /r/ /e/ /y/ /a/)
    ;) Boa páscoa!!!

    ResponderExcluir